Esportes

19
JUN
Atlético impõe ao São Paulo sua primeira derrota em casa no Brasileiro
Por: Redação
Atlético impõe ao São Paulo sua primeira derrota em casa no Brasileiro
Jogadores do Atlético-MG comemoram vitória sobre o São Paulo - Foto: Divulgação/Altético-MG

O Atlético-MG conseguiu aproveitar as falhas do sistema defensivo do São Paulo e garantiu a vitória por 2 a 1, neste domingo, no Morumbi.

Este foi o primeiro jogo são-paulino neste Brasileiro em casa que a equipe não saiu com os três pontos. Até então, eram três triunfos em casa. Com o resultado, o time se mantém com 10 pontos na tabela de classificação. Já o Atlético-MG passa a somar nove pontos e dá uma trégua na crise.

Na próxima rodada, o clube do Morumbi vai enfrentar o Atlético-PR, na quarta-feira, em Curitiba. A equipe do treinador Rogério Ceni, que ainda não venceu como visitante neste campeonato, tenta quebrar o tabu de jamais ter superado o adversário na Arena da Baixada. Já o Atlético-MG vai receber o Sport, também na quarta-feira, na Arena Independência.

O atacante Marcinho, mais uma vez, fez jus aos elogios de Rogério Ceni. Mesmo deslocado na vaga do lateral direito Bruno no primeiro tempo, ele deu conta de ajudar na marcação e apoiar o ataque, com boas jogadas. Na segunda etapa, quando passou a ocupar o lugar de Wellington Nem, ele deu trabalho para a defesa adversária e conseguiu empatar o jogo.

Já o meio campista Cícero não vive um bom momento no São Paulo. Fracassou na tentativa de fazer a ligação entre o ataque e a defesa. Pouco efetivo na marcação, ele também não conseguiu ajudar na armação das jogadas.

PROTESTO

A principal organizada do São Paulo, a Independente, fez uma manifestação na porta do Morumbi neste domingo, antes da partida. O protesto era contra a diretoria do clube, por conta da negociação das revelações David Neres, Lyanco e Luiz Araújo nesta temporada. No total, cerca de mil torcedores estavam no local.

"A Independente continuará com o movimento unidos pelo São Paulo e apoiaremos o time. Porém, a gente quer jogador, vamos cobrar jogador, reforços. E estamos protestando contra a diretoria em que sentido? Cotia recebe para quê? Nossos craques nascem em Cotia, não chegam a jogar no São Paulo e já são vendidos. Não têm vínculo algum com o clube. Isso não pode estar acontecendo. Algo de errado acontece lá", Henrique Gomes, o Baby, presidente da torcida Independente.


Fonte: Correio do Estado
Hora agora:
23/06/2017
Cotações em MS:
Publicidade:

Sobre

2009@2017 MS - Diretor Executivo: Renan Carrijo MTE 001341/MS - MS Todo Dia - Notícias a Todo Momento

Fale conosco

(67) 9 9624-6412 (67) 9 8411-9076

Ms Todo Dia